Aulas práticas de direção: será que você está preparado?

As motos são as principais causadoras de mortes no trânsito. Veja dicas para evitar acidentes!
outubro 9, 2018
Contran suspende resoluções que tratam das placas do Mercosul.
outubro 25, 2018

Nutrir uma ansiedade exagerada ou vivenciar frustrações na experiência de assumir o volante podem desencadear fobias e impedir a pessoa de dirigir.

Muitas pessoas, mesmo habilitadas, não se sentem seguras para dirigir sozinhas. Nessas horas, procuram ajuda nas aulas práticas de direção.

No entanto, é preciso ter bastante cuidado ao fazer essa escolha. Sobretudo, porque a origem do medo que sentem pode não ser apenas a falta de prática.

Neste caso, além de pular etapas importantes, que são a base de todo os os processos de aprendizagem, podem estar agravando o seu problema. Em alguns casos, inclusive, fazendo com que o medo fuja do seu controle e se torne patológico.

E é sobre a importância desse ciclo que falaremos neste artigo.Você vai aprender as diferenças entre o tratamento psicoterapêutico e os treinamentos para habilitados, e quando procurar por cada um. Acompanhe!

Antes de assumir a direção, cuide do básico

Como tudo na vida, para aprender ou voltar a dirigir você precisa começar pela base. Ou seja, construindo uma estrutura sólida para que aos poucos você consiga se sentir confiante para executar esse movimento naturalmente.

Portanto, não se iluda! Partir para as aulas práticas de direção, sem treinamento e controle emocional, só vai gerar frustração e fazer você perder dinheiro.

O emocional pode fazer você errar até o que já sabe

Para evitar transtornos futuros, comece protegendo a sua autoestima. Ela é a chave de todo o processo.

Para isso, acredite em si mesmo, aprenda a lidar com as próprias dores e a não dar ouvidos para as opiniões alheias.

Pois, muitas vezes, são esses comentários negativos que sabotam todo o processo de aprendizagem, alimentam o seu medo e podem colocar tudo a perder..

Sobretudo, porque quando o nervosismo e a ansiedade estão presentes, você, sem querer, pode errar até o que já sabe.

Treinamentos para habilitados ou tratamento psicoterapeutico?

Quando você percebe que o medo de dirigir está atrapalhando e interferindo nas suas escolhas, é preciso buscar ajuda especializada.

Nestes casos o tratamento psicoterapêutico é o recurso mais indicado. Nele, o atendimento combina diferentes técnicas, entre eles a psicologia no trânsito, a hipnose e tratamento cognitivo-comportamental para tratar a fobia de dirigir.

E todas essas questões você não vai encontrar nos treinamentos para habilitados. Afinal, eles têm como objetivo aprimorar a prática da direção. Ou seja, tem como foco as manobras ao volante e não o tratamento da amaxofobia.

Então, quando começar as aulas práticas de direção?

Como dissemos anteriormente, muitas pessoas acreditam que o medo que sentem tem origem na falta de prática. Quando na verdade não é.

Os medos que sentimos podem ter inúmeras raízes, e é somente a avaliação de um psicoterapeuta que poderá orientar o melhor tratamento.

Portanto, reflita sobre o seu medo e procure ajuda especializada para que você tenha o seu emocional sob controle.

A partir disso, ao ganhar confiança para dirigir, você pode, aos poucos começar as aulas práticas de direção.

A perícia ao dirigir vem com o tempo e o treinamento

Não é porque você está tratando os seus medos que poderá dar a partida e dirigir em via pública.

Assim como você deve trabalhar o seu emocional para perder o medo de dirigir, deve também buscar uma aproximação com o seu veículo.

Desse modo, vai dominar os fundamentos mais básicos primeiramente até ter controle total sobre o veículo.

Portanto, as aulas práticas de direção vão iniciar muitas vezes com o veículo parado, no pátio da sua casa.

É nesse ambiente que você vai treinar a troca de marchas, exercitar o seu olhar nos retrovisores, a dar a partida sem deixar o carro morrer e outras manobras mais.

Tudo em baixíssima velocidade, exercitando a sua noção de espaço e o funcionamento de cada mecanismo. E é só depois disso que você poderá partir seguro para o trânsito.

Hora de colocar a mão na massa!

Se depois destas dicas você perceber que este ainda não é o seu momento de partir para as aulas práticas de direção, relaxe! Seja tolerante consigo mesmo e acredite: esse friozinho na barriga vai passar.

O importante é não se acomodar com a situação. Buscar mecanismos para superar o seu medo e sentir-se fortalecido para dar o próximo passo. Conte com a gente para isso!

Por Psico Trânsito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress spam blocked by CleanTalk.